Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.

uncategorised

POLÍTICA DE COOKIES

Utilizamos cookies para melhorar o desempenho e a sua experiência como utilizador no nosso site.

 

O que são cookies

Os cookies são pequenos ficheiros de texto que um site, quando visitado, coloca no computador do utilizador ou no seu dispositivo móvel, através do navegador de internet (browser). A colocação de cookies ajudará o site a reconhecer o seu dispositivo do utilizador, numa próxima visita. Usamos o termo cookies nesta política para referir todos os ficheiros que recolhem informações desta forma.

Os cookies utilizados não recolhem informação que identifica o utilizador. Os cookies recolhem informações genéricas, designadamente a forma como os utilizadores chegam e utilizam os sites ou a zona do país/países através do qual acedem ao site, etc.

Os cookies retêm apenas informação relacionada com as suas preferências.

A qualquer momento o utilizador pode, através do seu navegador de internet (browser) decidir ser notificado sobre a recepção de cookies, bem como bloquear a respectiva entrada no seu sistema.

A recusa de uso de cookies no site, pode resultar na impossibilidade de ter acesso a algumas das suas áreas ou de receber informação personalizada.

 

Para que servem os cookies

Os cookies são usados para ajudar a determinar a utilidade, interesse e o número de utilizações dos sites, permitindo uma navegação mais rápida e eficiente e eliminando a necessidade de introduzir repetidamente as mesmas informações.

 

Que tipo de cookies utilizamos

Os nossos cookies têm diferentes funções:

  • Cookies essenciais - Alguns cookies são essenciais para aceder a áreas específicas do nosso site. Permitem a navegação no site e a utilização das suas aplicações, tal como aceder a áreas seguras do site através de login. Sem estes cookies, os serviços que o exijam não podem ser prestados.
     
  • Cookies analíticos - Utilizamos estes cookies para analisar a forma como os utilizadores usam o site e monitorar a performance deste. Isto permite-nos fornecer uma experiência de alta qualidade ao personalizar a nossa oferta e rapidamente identificar e corrigir quaisquer problemas que surjam. Por exemplo, usamos cookies de desempenho para saber quais as páginas mais populares, qual o método de ligação entre páginas que é mais eficaz, ou para determinar a razão de algumas páginas estarem a receber mensagens de erro. Baseado na utilização do site, podemos também utilizar estes cookies para destacar artigos ou serviços do site que pensamos ser do interesse dos utilizadores. Estes cookies são utilizados apenas para efeitos de criação e análise estatística, sem nunca recolher informação de carácter pessoal.
     
  • Cookies de funcionalidade - Utilizamos cookies de funcionalidade para nos permitir relembrar as preferências do utilizador. Por exemplo, os cookies evitam digitar o nome do utilizador cada vez que este acede ao site. Também usamos cookies de funcionalidade para fornecer serviços avançados ao utilizador, como por exemplo efectuar comentários a um artigo. Em resumo, os cookies de funcionalidade guardam as preferências do utilizador relativamente à utilização do site, de forma que não seja necessário voltar a configurar o site cada vez que o visita.
     
  • Cookies de terceiros - Servem para medir o sucesso de aplicações e a eficácia da publicidade de terceiros.
     
  • Cookies de publicidade - Servem para direccionar a publicidade em função dos interesses de cada utilizador, permitindo limitar o número de vezes do visionamento do anúncio. Estes cookies ajudam a medir a eficácia da publicidade. No entanto, não identificam o utilizador

 

Os cookies utilizados podem ser:

  • Cookies permanentes -Ficam armazenados ao nível do navegador de internet (browser) nos seus dispositivos de acesso (pc, mobile e tablet) e são utilizados sempre que o utilizador faz uma nova visita ao site. Geralmente são utilizados para direccionar a navegação de acordo com os interesses do utilizador, permitindo-nos prestar um serviço mais personalizado.
     
  • Cookies de sessão - São temporários, permanecem nos cookies do seu navegador de internet (browser) até sair do site. A informação obtida permite identificar problemas e fornecer uma melhor experiencia de navegação.

 

Depois de autorizar o uso de cookies, o utilizador pode sempre desactivar parte ou a totalidade dos nossos cookies. 

Todos os browsers permitem ao utilizador aceitar, recusar ou apagar cookies, nomeadamente através da seleção das definições apropriadas no respetivo navegador. Pode configurar os cookies no menu "opções" ou "preferências" do seu browser.

Note-se, no entanto, que, ao desativar cookies, pode impedir que alguns serviços da web funcionem corretamente, afetando, parcial ou totalmente, a navegação no website.

 

Recordamos que ao desactivar os cookies, partes do nosso site podem não funcionar correctamente.

Mais informação sobre cookies em: www.cookielaw.org ou www.allaboutcookies.org

 

 

 

Área de Perguntas Frequentes

 

No Menu lateral esquerdo pode aceder às FAQ's (Perguntas frequentes) de cada área temática da CCDRAlentejo

Seminário sobre Especialização Inteligente em Sevilha

 

Realizou-se no passado dia 6 em Sevilha, na sede da Fundação Três Culturas, um Seminário sobre os desafios que se colocam à Implementação e Monitorização das Estratégias Regionais de Especialização Inteligente.

O Alentejo elaborou recentemente a sua Estratégia de Especialização (EREI) no horizonte de 2020 e pretende agora implementá-la com resultados e impactos relevantes na competitividade e internacionalização da economia regional. Sendo a inovação um dos factores-chave do crescimento económico a médio e longo prazo, a sua promoção e apoio constituem-se igualmente como um dos principais objetivos da estratégia europeia para 2020.

Pela importância da temática, a CCDR Alentejo participou nesta iniciativa promovida pela Comissão Europeia, de que resultaram abordagens e conclusões relevantes para a implementação da EREI do Alentejo.

Workshop “Cidades Analíticas”

 

Debater a promoção de soluções, ideias e projetos inovadores no âmbito da analítica urbana e das cidades inteligentes, incentivando à criação e uso de ferramentas avançadas de processamento de dados, como suporte à gestão urbana e à tomada de decisão, é motivo para a realização do workshop “Cidades Analíticas”. O evento tem lugar no Auditório da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo, Évora, dia 20 de março, pelas 10 horas.

Do programa fazem parte a divulgação da Conferência Internacional “Cidades Analíticas - Acelerar o desenvolvimento das cidades inteligentes em Portugal”, que tem lugar no dia 22 de abril em Lisboa, a atribuição do “Prémio Cidades Analíticas 2015” e ainda a apresentação de três casos de estudos e projetos da Região Alentejo.

“Cidades Analíticas” é uma iniciativa da Secretaria de Estado do Ordenamento do Território e da Conservação da Natureza (SEOTCN), promovida pela Direção‐Geral do Território (DGT) e financiada pelo European Economic Area Grants (EEA Grants) no âmbito do Programa “Fundo para as Relações Bilaterais ao nível nacional”.

Programa

Inscrição até ao dia 18 de março, enviando o nome, contacto e instituição que representa para o correio eletrónico Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..

Prémio Cidades Analíticas 2015

Decorre até 1 de abril de 2015 o prazo para a apresentação de candidaturas ao concurso "Cidades Analíticas 2015", promovido pelo Ministério do Ambiente, Ordenamento do Território e Energia (MAOTE), através da Direção-Geral do Território.

O concurso visa reconhecer, estimular e premiar projetos e/ou as melhores práticas ao nível do desenvolvimento de soluções de "Cidades Analíticas", entendendo-se por tal as cidades que desenvolvem uma base fundamental de dados relativos aos fenómenos urbanos e métodos avançados de pesquisa e cruzamento desses dados, que orientam a tomada de decisão acerca da gestão urbana, sendo essencial, para este efeito, o desenvolvimento de sistemas de informação, redes e plataformas tecnológicas de conhecimento e inovação urbana, com enfoque nas dimensões de Gestão e Participação.

O valor do Prémio é de € 5.000 (cinco mil euros) e ao concurso pode concorrer qualquer pessoa singular ou coletiva, pública ou privada, registada em Portugal.

A apresentação de candidaturas, instruídas nos termos do Regulamento do concurso, é efetuada através do preenchimento do formulário de candidatura, até ao dia 1 de abril de 2015.

Para mais informações contacte o secretariado do concurso em Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar. ou pelo telefone: + 351 21 381 96 00 (ext. 487/455).

Lançamento do Portugal 2020 na Região do Alentejo

António Dieb

Em evento decorrido no Centro de Negócios Transfronteiriço da cidade de Elvas, teve lugar no passado dia 2 de março o lançamento do Portugal 2020 na Região do Alentejo.

O evento fortemente participado juntou cerca de 1200 pessoas que puderam assistir a intervenções do presidente da edilidade elvense, Dr. Nuno Mocinha, do Ministro Adjunto e do Desenvolvimento Regional, Dr. Miguel Poiares Maduro e do Presidente da Agência para o Desenvolvimento e Coesão, Eng.º José Soeiro.

Dos trabalhos fizeram ainda parte as intervenções do Presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo e Presidente da Comissão Diretiva do Alentejo 20202, Dr. António Costa Dieb e do Secretário de Estado do Desenvolvimento Regional, Dr. Manuel Castro Almeida.

Tiveram ainda lugar quatro sessões temáticas paralelas de apresentação dos Programas Operacionais Temáticos POSEUR (Programa Operacional de Sustentabilidade e Eficiência no Uso dos Recursos), POISE (Programa Operacional da Inclusão Social e Emprego), POCI (Programa Operacional Competitividade e Internacionalização e POCH (Programa Operacional do Capital Humano).

O Alentejo 2020, com uma dotação global de 1.082,9 Milhões de euros, dos quais 898,2 Milhões de euros do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional e 184,7 Milhões de euros do Fundo Social Europeu, é o Programa Operacional Regional do Alentejo para o período 2014-2020.

Mais informações em http://alentejo.portugal2020.pt/.

Alentejo 2020 deu primeiro passo para o arranque do Programa

O Alentejo 2020 – Programa Operacional Regional do Alentejo 2014-2020, reuniu o Comité de Acompanhamento pela primeira vez, dando assim o primeiro passo para o arranque do Programa.

Da ordem de trabalhos da primeira reunião destaca-se a aprovação do Regulamento Interno do Comité de Acompanhamento, que marca o arranque dos trabalhos deste órgão e permite reunir as condições para se avançar com a implementação do Programa.

Este órgão do Alentejo 2002 tem por competências, entre outras, analisar e aprovar a metodologia e os critérios de selecção das operações. Estes são dois pontos essenciais para a abertura dos concursos e a apresentação das candidaturas.

Entretanto, já se encontra agendada uma segunda reunião do Comité para o próximo dia 9 de Março, em que aqueles aspectos, aprovação da metodologia e dos critérios de selecção das operações serão pontos da agenda.

Recordamos que a composição do Comité de Acompanhamento é fixada por despacho do Governo, e integra representantes: da Autoridade de Gestão, que preside, dos competentes órgãos de coordenação, dos organismos intermédios, da ANMP – Associação Nacional de Municípios Portugueses, dos parceiros económicos e sociais e das organizações relevantes da economia social e instituições de ensino superior, das entidades públicas mais relevantes para o Programa e da sociedade civil, incluindo do sector ambiental, bem como os Presidentes das Comunidades Intermunicipais e das associações empresariais da Região. A Comissão Europeia, através da DG REGIO e DG Emprego, e a Inspecção-Geral de Finanças integram a Comissão de Acompanhamento, na qualidade de observadores.

No próximo dia 2 de Março, pelas 9,30 horas, no Centro de negócios Transfronteiriço de Elvas, realiza-se o Evento de Lançamento do Portugal 2020 na Região Alentejo, cuja sessão é presidida pelo Ministro Adjunto e do Desenvolvimento Regional, Miguel Poiares Maduro. Em sessões temáticas paralelas, com início pelas 14,30 horas, será feita a apresentação dos Programas Operacionais Temáticos.

III Edição do Prémio Nacional de Reabilitação Urbana

 

Decorrem até ao dia 16 de fevereiro de 2015, as pré-candidaturas para a III Edição do Prémio Nacional de Reabilitação Urbana.

Podem candidatar-se intervenções urbanas terminadas entre 1 de janeiro de 2013 e 31 de dezembro de 2014 e que não se tenham candidatado em edições anteriores.

 

Qualquer entidade interveniente nos projetos pode apresentar a candidatura desde que acompanhada da devida autorização do proprietário.

 

Os vencedores do Prémio Nacional de Reabilitação Urbana são apresentados num jantar de gala que se realiza no dia 15 de abril, no Palácio Nacional de Queluz em Lisboa.

 

Mais informações em www.premio.vidaimobiliaria.com.

Roadshow Serviços Partilhados e Compras Públicas

 

Teve lugar no passado dia 11 de fevereiro, no Auditório da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo (CCDRA), em Évora, mais uma sessão do Roadshow Serviços Partilhados e Compras Públicas – Inovar com Valor.

O evento, uma organização da Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. (eSPap), em parceria com a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo (CCDRA), teve como principal objetivo apresentar a estratégia do Governo Português para os próximos anos na área dos Serviços Partilhados e Compras Públicas, nas suas diferentes dimensões operacional e jurídica, tendo sido ainda apresentadas duas experiências práticas da Região Alentejo pelo Instituto Politécnico de Portalegre e pela Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central.

Acolhendo e dando as boas-vindas aos presentes o Dr. António Dieb, Presidente da CCDRA, louvou a iniciativa, aludindo à importância do facto de a informação sobre Serviços Partilhados e Compras Públicas “estar a chegar, em termos institucionais, com sustentabilidade, havendo um raciocínio estratégico em torno desta atividade que se deve saudar e destacar”. Informação que aborda “preocupações com a eficácia, qualidade e dimensão da cultura organizacional que se pretende desenvolver.” “Trata-se de racionalizar, de implementar em termos organizacionais princípios mínimos essenciais de racionalidade quer na decisão que nos procedimentos”, concluiu.

O Dr. Jaime Quesado, Presidente da eSPap, deu inicio aos trabalhos reforçando a importância da racionalização da despesa para a agenda que se está a construir no pais e da passagem da informação do Terreiro do Paço para atores no terreno como as Câmaras Municipais, Universidades e outras entidades desconcentradas da Administração Pública.


O Roadshow Serviços Partilhados e Compras Públicas – Inovar com Valor visita várias cidades entre os meses de janeiro e fevereiro, promovendo o debate sobre Serviços Partilhados no território nacional, com a colaboração das Comissões de Coordenação e Desenvolvimento Regional. Depois de Coimbra e Porto, foi a vez de Évora, estando ainda prevista, em data a designar, a presença do Roadshow em Faro.

Serviços Partilhados e Compras Públicas

 

Tem lugar no próximo dia 11 de fevereiro, no Auditório da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo, a sessão de trabalho "Serviços Partilhados e Compras Públicas – Inovar com Valor".

O evento, uma parceria da Entidade de Serviços Partilhados da Administração Pública, I.P. e da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo, tem como objetivo apresentar a estratégia do Governo Português para os próximos anos na área dos Serviços Partilhados e Compras Públicas, nas suas diferentes dimensões operacional e jurídica.

 

Programa

 

14h30

Receção de Participantes

 

15H00

Sessão de Abertura

 

15H15

Serviços Partilhados de Finanças e Recursos Humanos

"Uma Nova Aposta de Gestão Integrada"

 

15H45

Serviços de TIC e Inovação em PMO

"Uma Nova Rede de Interoperabilidade"

 

16H15

Compras Públicas

"Novos Desafios Operacionais e Jurídicos"

 

16H45

"Testemunhos Práticos da Região"

Instituto Politécnico de Portalegre

Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central

 

17H15

Debate

 

18H00

Encerramento

 

Incrições até ao dia 10 de fevereiro, seguido o Link.

 

Lançamento dos Prémios Europeus de Promoção Empresarial 2015

 

 

 

 

ADC

 

 

 

 

 

Lançamento dos Prémios Europeus de Promoção Empresarial 2015

Decorre até 30 de março de 2015 o prazo para a apresentação de candidaturas aos Prémios Europeus de Promoção Empresarial que têm como objetivo distinguir boas práticas de promoção do empreendedorismo na Europa.

 

Premios 2015

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

1. Objetivo

Lançados em 2005 pela Comissão Europeia, os Prémios Europeus de Promoção Empresarial (European Enterprise Promotion Awards – EEPA) têm como objetivo distinguir boas práticas de promoção do empreendedorismo na Europa

 

2. Categorias a concurso

A competição integra seis categorias:

·         Promoção do espírito de empreendedorismo

·         Investimento nas competências empreendedoras

·         Desenvolvimento do ambiente empresarial

·         Apoio à internacionalização das empresas

·         Apoio ao desenvolvimento de mercados ecológicos e à eficiência dos recursos

·         Empreendedorismo responsável e inclusivo

 

3. Quem se pode candidatar?

A competição está aberta às entidades públicas da União Europeia, bem como de outros países associados, como a Islândia, Noruega, Sérvia e Turquia. As entidades elegíveis incluem organizações nacionais, municípios, cidades, regiões e comunidades, bem como parcerias público-privadas entre entidades públicas e empreendedores, programas educativos e organizações empresariais.

 

Saiba mais no site do IAPMEI.

 

Aceda à publicação com os Vencedores da edição de 2014.

 

 

Núcleo de Comunicação e Documentação

 

Em 30 de abril de 2014, alterámos o nosso domínio para "@adcoesao.pt". Esta alteração decorre da criação da Agência para o Desenvolvimento e Coesão por fusão do IFDR, IGFSE e Observatório do QREN.
Pedimos que atualize o nosso endereço, substituindo "@ifdr.pt", "@igfse.pt" ou "@observatorio.pt" por "@adcoesao.pt".
Se tiver qualquer dúvida sobre este assunto, queira por favor contactar-nos através do endereço: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

On April 30th, 2014, Cohesion Development Agency has introduced a new domain: "@adcoesao.pt".
You should change e-mail addresses in your address book to use the "@adcoesao.pt" domain in place of the "@ifdr.pt","@igfse.pt" or "@observatorio.pt" domains.
Should you have any question, please don't hesitate to send them to: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.