EREI Alentejo 2020 – CCDRA publica Relatório de Monitorização 2014 – 2019



A Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Alentejo publicou o Relatório de Monitorização 2014 – 2019, da EREI – Estratégia Regional de Especialização Inteligente do Alentejo.

O referido relatório visa monitorizar a implementação da EREI do Alentejo, a qual se insere nas Estratégias de Inovação Regional/Nacional, para a Especialização Inteligente, também designadas pelo acrónimo RIS3 (Research and Innovation Strategies for Smart Specialisation).

A EREI do Alentejo, encontra-se, dividida em cinco domínios de especialização, três domínios consolidados, “Alimentação e Floresta” (A), “Economia dos Recursos Minerais, Naturais e Ambientais” (B), “Património, Indústrias Culturais e Criativas e Turismo” (C), e dois domínios emergentes, “Tecnologias Críticas, Energia e Mobilidade Inteligente” (D), e “Tecnologias e Serviços Especializados de Economia Social” (E).

A monitorização agora divulgada reporta ao período compreendido entre 31 de Dezembro de 2014 e 31 de dezembro de 2019. Tem por base um conjunto de indicadores e apuramento de resultados, alimentados por informação quantitativa e qualitativa de operações residentes no Sistema de Informação e Gestão do Programa Operacional do Alentejo (SIGPOA), do Sistema de Gestão de Operações (SGO) e do Balcão2020, bem como informação proveniente de inquéritos por questionário, aplicados a beneficiários.

O documento encontra-se estruturado em cinco capítulos. Depois de uma breve apresentação, o documento inclui um ponto de situação sobre a implementação da EREI, seguido de apresentação dos resultados de 1.º nível, identificação de mudanças que o financiamento, com recurso à EREI, permitiram impulsionar nos diferentes negócios e apresentação das principais conclusões e recomendações do processo de monitorização .

Consulte o documento aqui.

© 2022 Copyright: DSTIC | CCDR Alentejo